Atualização de Política de Privacidade

POLÍTICA DE PRIVACIDADE

Última atualização: 23/05/2018

PRIVACIDADE E SEGURANÇA

Maná Igreja Cristã é responsável pelo Website www.igreja-online.tv e encara seriamente a privacidade e proteção dos dados registados pelos seus utilizadores.
O Website ou simplesmente designado por Site, assegura aos seus utilizadores privacidade e segurança nos dados facultados para os vários serviços disponibilizados, sendo apenas pedidos e recolhidos os dados necessários para a prestação do serviço de acordo com as indicações explícitas no Website e as opções do utilizador. Caso o requeira, o titular dos dados tem o direito de obter o acesso, retificação ou a eliminação dos dados facultados.

 

RECOLHA DE DADOS PESSOAIS

Em geral, o site IGREJA ON LINE pode ser visitado sem que seja necessário revelar qualquer informação pessoal. Existem, no entanto, áreas do site onde necessitamos que os utilizadores forneçam os seus dados pessoais, de forma a usufruírem dos serviços aí disponibilizados ou obterem informação detalhada sobre determinadas questões.

Neste caso o utilizador pode optar-se por registar-se no site e fornecer os dados pessoais, através do preenchimento de um formulário de registo on-line que ocorrerá de acordo com as mais estritas regras de segurança.

É nosso objetivo garantir a qualidade e integridade da informação fornecida pelos utilizadores do nosso website, tendo para isso implementado as medidas necessárias, tanto ao nível tecnológico como organizacional, de forma a mantermos a informação segura, precisa, atualizada e completa.

A informação pessoal recolhida no site é usada exclusivamente pelo site IGREJA ON LINE e para os fins nele indicados, garantindo e respeitando todas as regras de sigilo e confidencialidade inerentes à natureza da associação religiosa.

O acesso a áreas específicas e particularmente sensíveis ao nível do sigilo e confidencialidade, nomeadamente; Pedido de Oração, Pedido de Consulta Pastoral, entrar em contacto com o Pastor de Serviço, agendar uma Consulta Pastoral ou falar através do “Chat Privado, será efetuado através da área pessoal de cada utilizador, que se regista com um username e password, tal como indicado no próprio Site.

Nestas situações, o exercício do direito de acesso, correção, supressão, oposição, limitação ou portabilidade da sua informação pessoal, poderá ser efetuado a todo o tempo pelo utilizador, através da sua área pessoal entrando com o seu username e password.

 

REGULAMENTO GERAL DE PROTEÇAO DE DADOS (RGPD)

Para os efeitos do que está previsto no Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD), informam-se os utilizadores deste Website de que os dados de caráter pessoal que facultarem através da utilização do mesmo, tanto no preenchimento de qualquer formulário, como através de e-mail ou por qualquer outro meio, serão tratados em conformidade com a presente Política de Proteção de dados.

 

FINALIDADE DOS DADOS RECOLHIDOS

Os dados facultados no Website serão utilizados para as seguintes finalidades:

  1. Envio de comunicações promocionais (eventos, encontros, passatempos, boletins informativos, entre outros) sobre as iniciativas divulgadas no site IGREJA ON LINE, inclusive através de meios eletrónicos.
Através de tais comunicações, informar-se-ão os utilizadores sobre os diferentes projetos, ofertas, passatempos e restantes eventos difundidos através do site IGREJA ON LINE.
  1. Execução de estudos estatísticos. Mais concretamente, os seus dados e, se for caso disso, opiniões, sugestões, etc. poderão ser utilizados para aumento ou melhoramento da nossa prestação, adequando-a às suas preferências e/ou necessidades, a partir do estudo e segmentação das informações pessoais que facultar em consequência do seu acesso ao Site.
  2. Para que o Pastor possa entrar em contacto com o utilizador, a sequência de um pedido de oração, agendamento de consulta pastoral ou outra solicitação que lhe seja dirigida.
  3. Os dados serão tratados sobre a base jurídica do consentimento da pessoa que os proporciona. Poderá anular tal consentimento em qualquer momento, embora isso não afete a licitude dos tratamentos anteriormente efetuados.
  4. Os dados serão conservados durante o tempo necessário para se dar resposta à sua petição, pedido, consulta, inscrição e para se considerar o(a) mesmo(a) como definitivamente encerrado(a). Posteriormente, serão conservados em forma de histórico de comunicações, salvo se o utilizador solicitar a sua eliminação.
  5. Em qualquer caso, os seus dados serão armazenados durante um período de tempo máximo de um ano a contar da data em que foram facultados.
  6. O Utilizador aceita expressamente o tratamento e a inclusão dos dados recolhidos durante a navegação no Site, ou proporcionados mediante o preenchimento de qualquer formulário.
  7. Durante o processo de recolha de dados, e em cada lugar do Site em que tais dados sejam solicitados, o Utilizador será informado, quer mediante uma hiperligação, quer mediante a inclusão das menções oportunas no próprio formulário, sobre o caráter obrigatório ou não da recolha de dados.
  8. Caso nos tenham sido proporcionados dados de terceiros, é da responsabilidade de quem o fizer, informá-los sobre tudo o que está estabelecido nesta cláusula e ter obtido o seu consentimento prévio para tal.

 

DIREITOS DO UTILIZADOR PARA O TRATAMENTO DE DADOS PESSOAIS

IGREJA ON LINE garante aos utilizadores, a todo o momento, o exercício dos seus direitos de acesso, retificação, eliminação, oposição, limitação e portabilidade relativamente aos dados pessoais facultados, nos termos dispostos no RGPD. Os utilizadores do Website poderão exercer tais direitos remetendo um pedido expresso, para qualquer um dos endereços seguintes, que deverão ser utilizados única e exclusivamente para este efeito.

  • E-mail: info@igreja-online.tv
  • Correio Postal: Rua João Saraiva, n.º 13, 4.º andar, 1700-248 Lisboa.
IGREJA ON LINE compromete-se a utilizar os dados pessoais facultados em conformidade com as finalidades indicadas nesta Política de Proteção de Dados, respeitando a sua confidencialidade, assim como a cumprir a sua obrigação de os guardar e adotar todas as medidas para evitar a alteração, perda, tratamento ou acesso não autorizado.